MAPA DO SITE ACESSIBILIDADE ALTO CONTRASTE
CEFET-MG

Apresentação

O Programa Institucional de Iniciação Científica e Tecnológica do CEFET-MG tem como objetivo desenvolver o pensamento científico e introduzir os estudantes do Ensino Superior e do Ensino Técnico de Nível Médio na prática da pesquisa e da inovação. A Iniciação Científica é entendida como instrumento formativo, possibilitando ao aluno o engajamento na pesquisa e o contato direto com a atividade científica.

No CEFET-MG, este Programa teve início em 2004, com a concessão de uma cota de 15 bolsas de Iniciação Científica, pelo CNPq, e de 22 bolsas de Iniciação Científica Júnior, pela FAPEMIG. Desde então, a Instituição vem investindo na atuação mais efetiva dos alunos nesta atividade da pesquisa, que, atualmente, conta com recursos do CNPq, da FAPEMIG e do próprio CEFET-MG, dividindo-se em: Programa Institucional de Bolsa de Iniciação Científica (PIBIC) e Programa Institucional de Bolsa de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI) – voltados para alunos de Graduação; Programa Institucional de Bolsa de Iniciação Científica Júnior (PIBIC-Jr) – voltado para alunos do Ensino Técnico de Nível Médio do CEFET-MG e para alguns alunos de escolas estaduais de Belo Horizonte.

As bolsas institucionais e das Agências de Fomento são disponibilizadas por meio de editais específicos de chamadas de propostas para solicitação de bolsistas, as quais serão avaliadas com base no perfil e desempenho acadêmico dos alunos, bem como quanto ao mérito científico dos projetos. A Comissão de Iniciação Científica, responsável pela avaliação, é composta por pareceristas com comprovada experiência em seleção e avaliação de projetos.

No ano de 2017 o CEFET-MG disponibilizou aos alunos 339 bolsas de iniciação científica, sendo 177 BIC-Jr (FAPEMIG/CNPq/CEFET-MG), 123 PIBIC (81 FAPEMIG; 32 CNPq e 10 CEFET-MG), 29 PIBITI (CNPq) e 10 PIBIC-EM (CNPq).